• citebonline

Mulheres na Ciência/ Prêmio Capes 2021 com Camarões, Tainha e Macroalgas

Pesquisa de doutorado no programa de pós-graduação em Aquicultura da UFSC ganhou reconhecimento pelo Prêmio Capes de Tese 2021. Desenvolvida pela pesquisadora colombiana Esmeralda Chamorro Legarda, com período de doutorado-sanduíche no Instituto de Investigaciones Oceanológicas da Universidad Autónoma de Baja California (UABC), no México.


A partir do princípio de criação consorciada, o objeto primeiro foi a criação de camarões dentro do laboratório de Camarões Marinhos, na Barrada da Lagoa, Florianópolis. A tainha entrou na sequência para consumir os restos orgânicos liberados pelo crustáceo. Enquanto a macroalga foi usada para retenção de nitrogênio e fósforo. Resultado?


De acordo com o site da CAPES, a pesquisadora descobriu, que a iniciativa pode aumentar os ganhos dos produtores: além da criação poupar em 17% a água utilizada e a produtividade dos animais melhorar 11,9%, há um grande incremento dos nutrientes associados a este coletivo.


@capes_oficial

@engenharia.aqiufsc

(Foto e fonte: https://www.gov.br/capes/pt-br/assuntos/noticias/pesquisa-com-camaroes-e-tainhas-e-premiada )


#pesquisa #pesquisaedesenvolvimento #inovação #investimento #agroecologia #vidamarinha #mulheresnaciencia #sustentabilidade #economiacircular #biguaçu #santacatarina

1 visualização0 comentário