top of page
  • citebonline

Inovação/ Fazenda de Energia Solar Flutuante

Parece uma instalação artística, mas é uma fazenda de energia solar flutuante. Situada em Hapcheon, na Coreia do Sul, a empreitada conta com 92 mil painéis solares unidos em 17 blocos em formato de flores de ameixeiras gigantes. Segundo sua construtora, Hanwha Solutions Corp., a estação tem capacidade de gerar energia fotovoltaica suficiente para atender 20 mil residências.


Além de ser esteticamente bonita, a fazenda tem uma função sustentável importantíssima: deixar a dependência sul coreana do uso do carvão como principal fonte de energia. Além do carvão ser extremamente poluente, também é uma fonte de recursos importada.


A ideia partiu da própria geografia da Coreia do Sul que possui poucas terras, o que inviabilizou projetos anteriores. Dessa forma, com energia limpa, o país tem uma meta ousada, chegar a neutralidade de emissão de carbono até 2050.


Inovação Social

A fazenda de energia solar flutuante está numa região onde a idade dos habitantes é em torno de 60 anos. Hoje o país tem dificuldade na geração de trabalho e renda à sua população com mais idade.


Contudo, os moradores da região puderam participar da construção da fazenda e também realizar investimentos. Cerca de 1400 moradores investiram coletivamente um valor aproximado de U$2,6 milhões e esperam receber um retorno anual de 10% no decorrer de 20 anos.


A ideia do formato floral surgiu inclusive da própria comunidade, representando a importância que o projeto propõe.






Comments


bottom of page