• citebonline

Inovação e Pesquisa para Empresas

Como você imagina o seu negócio nos próximos anos? Já foi o tempo em que montar uma mercearia ou barbearia dispensava tecnologia e constantes inovações. Conforme aumentam o tamanho e ambições da empresa, evolui também a sua necessidade em pesquisa e desenvolvimento.


Tanto que empresas e universidades estão cada vez mais próximas para ganhar agilidade. Essa é uma estratégia dos países desenvolvidos há muito tempo. No nosso caso, a aproximação brasileira ainda é tímida, o que é uma pena. No entanto, as incubadoras tecnológicas, como é o caso do CITEB, existem para fazer essa ponte.


Para se montar um centro de pesquisas, seja sala, laboratório ou outra infraestrutura, melhor contar com parceiros do que desembolsar um grande montante. Se essa é uma possibilidade para sua instituição, claro que deve ser feito. Mas se ainda não é, conte com a expertise de quem já passou por esse processo ou quem possa dispor de espaços de co-working.


Além disso, há mecanismos fiscais que tentam favorecer o ambiente de P&D como as Lei de Inovação e Lei do Bem, além dos incentivos locais, que podem retornar parte do investimento. Por isso é importante que pesquisas sejam um ato contínuo, não só dos profissionais das ciências.


A inovação está no nosso dia a dia. Onde a climatização dos horti-frutis deixa de ser perfumaria para ser um método de melhor conservação dos alimentos, bem como a primeira cerveja o e wi-fi grátis aumentam o tempo de permanência do cliente na barber shop e ticket médio de consumo.


Então, como você imagina seu negócio nos próximos anos? O CITEB pode ajudar.


#tecnologia #inovacao #investimento #sustentabilidade #capacitação #pesquisa #desenvolvimento #empreendedorismo #isencaofiscal #coworking #comunidadecientifica #citeb #biguaçu #santacatarina #grandeflorianopolis


3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Atenção Enem! Plataforma ajuda alunos a se prepararem

De que vale a inovação se não for para benefício coletivo? Esse é o propósito da plataforma “Letrando”, um projeto de extensão Pro Media Lab do curso de Jornalismo da Univali lançado em abril. O foco