• citebonline

Empreendedorismo/ Escuta ativa para cliente virar fã

Muitos gestores vão dizer que ter fãs é melhor que clientes na sua empresa. Mas pergunto: O que torna essas pessoas fãs? Enquanto lia uma matéria da Innovations & Tech Today sobre testes de plataforma antes de lançá-las, surgiu esse insight: Você faz a escuta ativa com seu cliente?


No decorrer do texto, Alein Fan (professor assistente da Purdue University) conta como um grupo de pessoas estava reagindo aos testes para pagamento de gorjeta online. A partir disso pensei se no Brasil essa opção faria sentido, já que não temos o hábito dessa gratificação. Assim, manter atenção à cultura de consumo do seu cliente é parte importante do processo do seu negócio, não só importar fórmulas.


Certamente estar atento às soluções disponíveis no mercado para melhor monetizar o negócio se faz fundamental. No entanto, no que compete a inovação, às vezes as melhores soluções passam pela escuta ativa. Isso é, permitir dar crédito ao que os clientes nos contam e praticar as sugestões recebidas.


Quem não gosta de fazer uma crítica construtiva e notar que o fornecedor melhorou depois do seu comentário? Esse diálogo gera conexão e conexão é o que liga pessoas. Pessoas ligadas convivem e se respeitam. Desse respeito surge a admiração. E da admiração nascem fãs.


Talvez a metodologia mude um pouco na construção de fãs do seu negócio porque, mais uma vez, é preciso a escuta ativa. Assim, cada projeto tem a sua própria fórmula e etapas, mas a grosso modo é esse o caminho. E que ele seja longo e próspero.



Inspiração: https://innotechtoday.com/payment-apps-asking-for-specific-tips-before-service-annoy-the-heck-out-of-users/


#inovação #inovaçãotransversal #inovacaoaberta #inovacaosocial #incubadoradenegocios #investimento #empreendedorimo #gestão #marketing #monetizar #biguaçu #santacatarina


0 visualização0 comentário