• citebonline

5 Dicas de “A Arte da Guerra” para os negócios

5 Dicas de “A Arte da Guerra” para os negócios:


1.) Ter sempre em mente o objetivo final


2.) Ver e ouvir com atenção o que se passa ao redor


3.) Estar aberto a adquirir novos conhecimentos


4.) Aproveitar as oportunidades


5.) Só a ação conduz ao êxito


O mais antigo tratado militar do mundo, bem ao menos que a gente conheça até hoje, é chinês e remonta há mais de 2.500 anos atrás. Instruções repassadas por Sun Tzu, que foi inspiração para batalhas bélicas no passado e que hoje são usadas nas guerras comerciais.


(...) Qual é a originalidade desse que é o mais antigo tratado de guerra? É que é melhor ganhar a guerra antes mesmo de desembainhar a espada,” diz o prefácio de Sueli Barros Cassal para a edição da L&PM Pocket (2016).


Hoje as batalhas estão nas esferas intangíveis e digitais, fica difícil até mesmo identificar os inimigos. Com frequência até combatemos o inimigo errado. Por isso é importante estar atento e disposto a aprender sempre.


Ainda nas palavras de Cassal, “Com seu caráter sentencioso, Sun Tzu forma a figura de um general super-homem cujas qualidades são o segredo, a dissimulação, a astúcia e a surpresa. Esse general deve evitar 5 defeitos básicos: a precipitação, a hesitação, a irascibilidade, a preocupação com as aparências e a excessiva complacência (...)”. Parece até descrever alguns executivos, não é?


A compilação das estratégias é material interessante para administradores, empreendedores, gestores, profissionais de marketing e vendas, entre outros. A leitura parece fácil, livro fininho. Mas não se engane pequeno gafanhoto, há muita reflexão nessas páginas de conhecimento milenar.


Invista e insista no seu sonho. Nós acreditamos em você!



#oportunidade #inovação #aartedaguerra #empreendedorismo #incubadora #preincubação #investimento #networking #pesquisa #dicadelivro #citeb #santacatarina


1 visualização0 comentário